domingo, 14 de dezembro de 2014

O Espírito Santo


Existem nove referências ao Espírito Santo no evangelho de João -- de João 1 a João 7. Mas não é até chegarmos ao capítulo 14 de João que vemos claramente a Personalidade distinta do Espírito. Confira as passagens abaixo:

A Verdade sobre Sua Pessoa.

Gn 1:2; Is 48:16; Mt 28:19; Jo 14:16, 17, 26; Jo 15:26; Jo 16:7, 8, 13, 14, 15; At 5:3, 9; At 13:2; At 15:28; 1 Co 12:13; 2 Co 13:14.

O Testemunho do Espírito Santo

Jo 15:26; At 5:32; Rm 8:16; Hb 10:15; 1 Jo 5:6-12.

O Espírito como Selo, Penhor e Unção.

Lc 11:13; At 19:2-6; 2 Co 1:21, 22; Ef 1:13, 14; Ef 4:30.

Figuras da Unção

Rei: 1 Samuel 10:1; 16:13.
Profeta: 1 Reis 19:16.
Sacerdote: Êxodo 28:7; 28:21.


  • A POSSESSÃO está conectada com o SELO.
  • O PODER está conectado com a UNÇÃO e também com CONHECIMENTO (1 Jo 2:27).
  • A GARANTIA DA GLÓRIA VINDOURA está conectada com o PENHOR.
  • O LAVAR está relacionado ao NOVO NASCIMENTO.
  • O ESPARGIR DO SANGUE está relacionado à REDENÇÃO.
  • O AZEITE é uma figura particular do ESPÍRITO SANTO.
  • O SELO vem depois de CRER, e NÃO pelo conhecimento ou experiência. Estes últimos são o fruto da obra do Espírito no crente.


A obra do Espírito.


  1. A obra do NOVO NASCIMENTO é distinta do SER HABITADO PELO ESPÍRITO e vem antes deste.
  2. A SANTIFICAÇÃO DO ESPÍRITO é para a OBEDIÊNCIA E ASPERSÃO DO SANGUE DE JESUS CRISTO (1 Pe 1:2).
  3. Somente através do Espírito as obras da carne podem ser mortificadas (Cl 3:5).


O SELO DO ESPÍRITO -- Quando ele ocorre?

Insistimos que ele ocorre ao se crer no evangelho da salvação (Ef 1:13). Em Atos temos um exemplo disto (At 19:1-7).

DEVEMOS ORAR AO ESPÍRITO SANTO? NÃO!

Toda a aproximação feita a Deus, seja para oração ou adoração, é PELO Espírito.

Não faria sentido falarmos em orarmos NO Espírito Santo AO Espírito Santo (Ef 6:18; Jd 1:20). As Escrituras falam de adoração PELO Espírito de Deus (Fp 3:3 - Versões Soc. Bíblica Britânica, J. N. Darby e Ave Maria). Elas também falam de orarmos NO Espírito. Portanto as Escrituras NUNCA falam de se adorar ou orar AO Espírito.

DEVERÍAMOS PEDIR O ESPÍRITO SANTO HOJE? NÃO!

A passagem em Lucas 11:13 foi falada pelo Senhor aos Seus discípulos antes de morrer, ressuscitar e ser glorificado. Veja, em relação a isto, João 7:38-39. Talvez, enquanto os 120 estavam reunidos durante os dez dias entre a ascensão do Senhor e a descida do Espírito, muitas orações tivessem brotado de seus corações rogando a Deus pelo Consolador que tinha sido prometido. Mas AGORA ELE JÁ VEIO!

EXISTEM CRENTES SEM O ESPÍRITO SANTO HOJE? SERÁ QUE A PASSAGEM EM ATOS 19 SUGERE QUE NEM TODOS OS CRENTES TÊM O ESPÍRITO?

A resposta a estas duas perguntas é, definitivamente, NÃO! Os discípulos em Atos 19 que Paulo encontrou não eram crentes cristãos. Eles haviam recebido o testemunho de João Batista -- eles só conheciam o batismo de João. Eles estavam no terreno do remanescente fiel de Israel que havia crido no testemunho de João Batista -- eles estavam buscando e estavam prontos para a vinda de Cristo. Mas Cristo já tinha vindo! Paulo lhes instruiu neste bendito fato e os colocou sobre terreno cristão através do batismo -- um novo terreno para eles, e foi então e ali que eles receberam o Espírito Santo. Lembremo-nos de que as Escrituras nos ensinam claramente que "...em um só Espírito, todos nós fomos batizados em um corpo, quer judeus, quer gregos, quer escravos, quer livres. E a todos nós foi dado beber de um só Espírito. Porque também o corpo não é um só membro, mas muitos." (1 Co 12:13). Isso aconteceu no dia de Pentecostes, conforme é detalhado em Atos 2.

O PECADO CONTRA O ESPÍRITO SANTO (Mt 12:31) -- PODEMOS COMETER TAL PECADO HOJE? NÃO!

Este pecado foi cometido pelos judeus ao atribuírem ao príncipe dos demônios, Belzebu, o poder pelo qual Jesus efetuava Seus milagres de exorcizar demônios. Cristo não está hoje no mundo, nem está Ele pessoalmente fazendo essas coisas hoje. Portanto é impossível cometer este pecado contra o Espírito Santo. 

Há quem sugira que os judeus tenham cometido tal pecado ao apedrejarem Estêvão em Atos 7. As Escrituras dizem: "Homens de dura cerviz, e incircuncisos de coração e ouvido, vós sempre resistis ao Espírito Santo; assim vós sois como vossos pais." (At 7:51). O testemunho de Deus não foi especificamente tirado dos judeus em Atos 7. Paulo disse em Atos 13: "Era mister que a vós se vos pregasse primeiro a palavra de Deus; mas, visto que a rejeitais, e não vos julgais dignos da vida eterna, eis que nos voltamos para os gentios" (At 13:46). Aqui não há qualquer referência a blasfemar contra o Espírito Santo.

Apesar de tal pecado ser impossível de ser praticado hoje, a exortação para nós é "não entristeçais o Espírito Santo de Deus, no qual estais selados para o dia da redenção." (Ef 4:30). Também nos é dito "Não extingais o Espírito." (1 Ts 5:19). A primeira destas duas exortações se aplica a nós individualmente, enquanto a segunda coletivamente. Procuremos viver em sujeição ao Espírito e cuidemos em aceitar o ensino na assembleia no que diz respeito à ordem na assembleia, como ensina 1 Co 14:29. Onde o Espírito presidir haverá liberdade para Ele ordenar a reunião de acordo com o ensino divino, resultando em honra ao nosso Deus, e consequentemente edificação, exortação e consolação dos santos reunidos.

Leia atentamente e em oração o quinto capítulo de Gálatas que fala do reconhecimento da habitação individual do Espírito e Sua atividade, e também 1 Coríntios 14 que fala do reconhecimento de Sua habitação na assembleia, e a consequente ordem de uma reunião assim quando os santos estão congregados ao Nome de nosso Senhor. (N. Anderson)