domingo, 17 de março de 2013

À DIREITA DE DEUS


“Salmo de Davi. Disse o SENHOR ao meu Senhor: Assenta-te à minha mão direita, até que ponha os teus inimigos por escabelo dos teus pés”(Sl.110.1)

O livro de Atos revela as múltiplas glórias que Cristo tem nos céus. Também demonstra o impacto dessas glórias nos seres humanos, tanto nos crentes quanto nos incrédulos. Tais efeitos foram registrados não somente para nos dizer o que aconteceu naqueles dias, mas para deixar claro os planos de Deus para toda a Era da Igreja, conforme as epístolas.

A nova posição que Cristo recebeu como Homem à destra de Deus já estava prenunciada no salmo 110, que é o salmo mais mencionado no Novo Testamento.

A bênção de Deus e a autoridade que Cristo recebeu nessa nova posição são demonstradas aqui. O Senhor Jesus tinha autoridade divina enquanto esteve neste mundo (Marcos 11:3) e depois na ressurreição a recebeu de uma nova maneira (Mateus 28:18).


Portanto, agora tudo está sujeito a Ele, embora ainda não visivelmente. Ao mesmo tempo, foi pela poderosa destra de Deus que Cristo recebeu esse lugar supremo (Atos 2:33; 5:31), característico da era da graça (Atos 7:55-56).

“Se já ressuscitastes com Cristo, buscai as coisas que são de cima, onde Cristo está assentado à destra de Deus”(Colossenses 3.1)

Vários versículos do Novo Testamento falam sobre Cristo estar sentado à direita de Deus. E todos estão relacionados às diversas atividades do Senhor no céu, importantes para Seu povo no mundo. O primeiro versículo é: “... o qual está à direita de Deus” Romanos 8:34. O próximo é Efésios 1:20: “…que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos, e pondo-o à sua direita nos céus”.

Deus manifestou Seu magnificente poder ao ressuscitar Cristo dentre os mortos e dar a Ele esse exaltado lugar de domínio sobre tudo. A mão direita de Deus na criação e na redenção está ligada à sua provisão, direcionamento, proteção, e domínio.

Além disso, “Cristo está assentado à destra de Deus”. Ele está ali como o Objeto do deleite de Deus.


Depois lemos que Cristo “assentou-se à destra da majestade nas alturas” (Hebreus 1:3). Aqui Deus não fez Cristo Se assentar, como em outros contextos, mas este versículo enfatiza a grandeza pessoal de Cristo no fato dEle mesmo ter Se sentado. Hebreus acrescenta: “Temos um sumo sacerdote tal, que está assentado nos céus à destra do trono da majestade” (8:1). E mesmo possuindo uma posição tão sublime como esta, o Senhor Jesus não procura glorificar a Si mesmo (Hebreus 5:5). Isso é absolutamente maravilhoso

Extraído do  Devocional Boa Semente