sábado, 30 de março de 2013

Tende bom ânimo


Desemprego, salários baixos, saúde precária, governantes corruptos, destruição do meio ambiente, traficantes de drogas de plantão, violência, manifestações, agressão dos manifestantes... A palavra de Deus nos diz que: “por se multiplicar a injustiça, o amor de muitos esfriará" - Mateus 24.12

É exatamente isso vemos no mundo o qual vivemos, o amor de muitos se esfriando. Hoje as pessoas ficam em dúvida quando alguém lhes pede socorro, pois, existem muitos charlatões, enganadores que não precisam de ajuda coisa nenhuma.

Esse mundo nos dá muitos motivos para desanimar, mas Jesus nos declara: “No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo  - João 16.33

Mas da onde vamos tirar esse ânimo? A Palavra de Deus nos ensina acerca disso. 


a) Devemos nos animar, renovando nossas forças
1 Reis 19:4-8
4 - e entrou no deserto, caminhando um dia. Chegou a um pé de giesta, sentou-se debaixo dele e orou, pedindo a morte. "Já tive o bastante, Senhor. Tira a minha vida; não sou melhor do que os meus antepassados. "
5 - Depois se deitou debaixo da árvore e dormiu. De repente um anjo tocou nele e disse: "Levante-se e coma".
6 - Elias olhou ao redor e ali, junto à sua cabeça, havia um pão assado sobre brasas quentes e um jarro de água. Ele comeu, bebeu e deitou-se de novo.
7 - O anjo do Senhor voltou, tocou nele e disse: "Levante-se e coma, pois a sua viagem será muito longa".
8 - Então ele se levantou, comeu e bebeu. Fortalecido com aquela comida, viajou quarenta dias e quarenta noites, até que chegou a Horebe, o monte de Deus.
Elias tinha desanimado e pediu a morte para si, mas Deus mandou um anjo para o alimentar porque a caminhada seria longa. O Senhor providenciou a renovação das forças de Elias para que não desistisse. 

Quantas vezes nos sentimos fracos, desanimados? Não seria a hora de renovarmos nossas forças? Saiba que o Senhor nosso Deus pode renovar as nossas forças.

Mas como Ele age nesse sentido? A palavra de Deus nos diz que “os que esperam no Senhor renovam suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam” - Isaías 40.31

Precisamos renovar as nossas forças, entregando nossos problemas a Ele em oração e esperando NEle, assim nos fortaleceremos.

b) Devemos nos animar, firmando nosso propósito
1 Reis 19:15-16
15 -  O Senhor lhe disse: "Volte pelo caminho por onde veio, e vá para o deserto de Damasco. Chegando lá, unja Hazael como rei da Síria.
16 -  Unja também Jeú, filho de Ninsi, como rei de Israel, e unja Eliseu, filho de Safate, de Abel-Meolá, para suceder a você como profeta.
Deus ainda tinha um propósito para a vida do profeta Elias. Mesmo que Elias tenha dito anteriormente (verso 4) "- Basta, [chega eu não quero mais viver], toma a minha alma”, Deus tinha planos estabelecidos. Então o profeta, já consciente de que Deus ainda tinha uma tarefa para ele, parte para cumpri-la.


Pode ser que nos encontremos na situação de Elias, pode ser que estejamos precisando firmar nosso propósito, tomar a consciência de que o Senhor nos deu uma tarefa e que temos que cumpri-la a qualquer custo.

Em Isaías 26.3 nós lemos: “Tu, Senhor, conservará em perfeita paz aquele cujo propósito é firme; por que confia em Ti”. Estamos em perfeita paz? Se não estamos, será que nosso propósito não anda tão firme? Será que nós possuímos algum propósito?

É necessário refletir, pensar na nossa tarefa, no nosso projeto de vida! O mundo pode estar desabando sobre nossas cabeças, mas, se estivermos firmes no nosso objetivo e confiando no Senhor, Deus nos dará ânimo e dará paz ao nosso coração.

Há um hino que diz em sua letra (Hino 109 - O bom pastor)
Confiado no Senhor
Protegido em seu amor
Seguirei o meu caminho
Sem tristezas e nem dor.
O autor desse hino diz isso, não porque as aflições não existem para nós cristãos, mas sim pelo fato da nossa confiança no Senhor, de que estamos protegidos no amor divino que nos capacita a continuar o nosso caminho sem amargura.

c) Devemos nos animar, lembrando que não estamos sozinhos
1 Reis 19:10
10 -  Ele respondeu: "Tenho sido muito zeloso pelo Senhor, Deus dos Exércitos. Os israelitas rejeitaram a tua aliança, quebraram os teus altares, e mataram os teus profetas à espada. Sou o único que sobrou, e agora também estão procurando matar-me".
Elias estava desanimado com a situação a qual se encontrava o povo. Concluiu que estava sozinho, que todos tinham se afastado do Senhor. Mas isso não era verdade:
1 Reis 19:18
18 -  No entanto, fiz sobrar sete mil em Israel, todos aqueles cujos joelhos não se inclinaram diante de Baal e todos aqueles cujas bocas não o beijaram".
O profeta Elias não estava sozinho. O próprio Senhor informa que sete mil pessoas se conservaram fies e não adoraram a Baal.

Corremos o risco de agir como Elias, pensando que estamos sozinhos que todos se desviaram, que ninguém se preocupa mais em trabalhar na seara do Senhor. Mas a palavra de Deus nos diz: “Também Isaías exclama acerca de Israel: Ainda que o número dos filhos de Israel seja como a areia do mar, o remanescente é que será salvo - Romanos 9. 27

A palavra remanescente significa o resto, no caso o apóstolo Paulo quer dizer que o povo de Israel pode ser muito grande, mas haverá um resto do povo que será salvo. São poucos os judeus que receberam a Jesus como seu salvador até hoje, a grande maioria ainda espera um outro messias.

Às vezes nos preocupamos com quantidade de pessoas que estão dentro da Igreja, o nosso desejo é que ela esteja completamente cheia, mas pode ser que apenas um resto seja salvo. Uma coisa é certa: “não estamos sozinhos”, sempre existirá um remanescente fiel!

E mesmo que não houvesse um restante fiel, Deus estará conosco! Diz o salmista: "ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, não temerei mal nenhum, porque Tu estás comigo. (...)” - Salmo 23.4. Precisamos dessa mesma convicção do salmista, o Senhor está conosco, isso nos dá ânimo.

d) Devemos nos animar, porque a vitória é certa
1 Reis 19:18
18 -  No entanto, fiz sobrar sete mil em Israel, todos aqueles cujos joelhos não se inclinaram diante de Baal e todos aqueles cujas bocas não o beijaram.
Baal, o falso deus não prevaleceu, não venceu. Deus conservou sete mil que não adoraram a Baal. A Igreja no decorrer de sua existência passou por sérias crises, mas nunca foi derrotada. Jesus disse que "(...) [as portas do inferno não prevalecerão contra a Igreja]" - Mateus 16.18

Inspirado pelo Espírito Santo, o apóstolo Paulo afirma que “(...) em todas as coisas somos mais que vencedores (...)”. O verbo "ser" aparece neste verso no plural e no tempo presente, ou seja, agora somos mais que vencedores por meio daquele que nos amou.

Muitos dizem que Deus vai nos dar a vitória. A realidade é mais completa que esta concepção. Deus já nos deu a vitória! Jesus já pagou o alto preço pelas nossas almas. 

Concluindo
Certa vez um homem sonhou que tinha assumido um compromisso com Cristo, e nesse compromisso Jesus estaria sempre caminhando junto dele. Quando ele estava caminhando na areia, olhava para trás e enxergava quatro pegadas, mas nos momentos difíceis ele só via duas pegadas.

Então ele disse a Jesus:
- O Senhor descumpriu o trato, nos momentos mais difíceis eu só vejo minhas pegadas.

E Jesus lhe respondeu:
- Nos momentos difíceis, quando olha para trás, são as minhas pegadas que você vê, pois eu estou sempre a te carregar em meus braços.

Que Deus esteja nos renovando as forças, nos ajudando a firmar nosso propósito, enfim que Ele nos dê bom animo para caminharmos a linda estrada que leva ao céu. Até aqui nos ajudou o Senhor (I Sm 7.12), certamente nos ajudará até o final.

--------------------------------------------------
Danilo Cassemiro de Campos é pastor da Igreja Presbiteriana do Brasil.