quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

O que diferencia a pessoa espiritual?


Ora, há diversidade de dons, mas o Espírito é o mesmo. E há diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo. E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil. 1 Coríntios 12:4-7 

Um Dom Espiritual é uma habilidade especial que o Espírito Santo dá a cada membro do Corpo de Cristo de acordo com a graça de Deus para ser usada na edificação da igreja. 

Infelizmente tem se falado muito pouco sobre a busca pelos dons, mas apesar desse fato, cada membro do Corpo de Cristo tem pelo menos um Dom. Cf. I Co 12:12-31. Aquele que não conhece os seus dons, não é porque Deus não lhe deu dons; é simplesmente porque ainda não os descobriu. 

Os dons espirituais não são dados apenas para a edificação de cada membro individualmente, mais para o bem de todos (I Co 14:2-5,26; Ef 4:12). 

Deus confiou um ministério à sua igreja e esse ministério é feito com crentes aperfeiçoados e equipados: Querendo o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo. (Ef. 4.12). 

Mateus 25:14 a 30, fala sobre a parábola dos talentos. O que são talentos? Dom, aptidão natural, habilidade adquirida, capacidade. Cada um de nós tem talentos, dados pelo Senhor. Talentos do Senhor e, logo após, se tornaram capacitadas, para cumprir o propósito de Deus, para cada uma delas.

Uma igreja, cujos membros estão conscientes do uso e manifestação dos dons, faz a diferença, pois ao canalizar essas manifestações na edificação do Corpo de Cristo se transforma em referencial no aspecto espiritual e, nas manifestações de poder. 

Davi ao enfrentar Golias, tinha na mão, uma funda e algumas pedras, com elas, venceu o gigante Golias, que durante muitos dias, afrontava o povo de Deus. I Samuel 17.40 

Gideão tinha uma trombeta e foi ela, que usou para conclamar o exército de Israel, para a batalha. Juízes 7.16 

Neemias tinha um copo e com ele, aproximou se do rei e conseguiu permissão para reconstruir Jerusalém. Neemias 2.1-2 

Elias tinha um manto e com ele abriu caminho no rio Jordão. II Reis 2.08 

A viúva de Sarepta, só tinha um bocado de farinha e uma botija de azeite e com ela, alimentou o homem de Deus e recebeu a multiplicação. I Reis 17.10

Barnabé tinha um terreno, que vendeu para ajudar aos pobres. Atos 4.36 

Dorcas tinha uma agulha, que usou para fazer roupas, para os necessitados. Atos 9.36 

Um rapaz, tinha cinco pães e dois peixinhos, que serviu para alimentar uma multidão. João 6.9 



E você. O que têm nas mãos? 


Deus te deu algo especial, para cumprir o propósito dele. Ele te deu algum talento, alguma capacidade, que te dá chance de fazer história nessa terra. 

O propósito de Deus, ao conceder dons, foi o de equipar cada membro para exercitar o seu dom e ajudar na edificação da igreja. Cada um desses dons tem a ver com a Palavra de Deus, que é o instrumento por excelência para aperfeiçoar o povo de Deus. 

Portanto, procurai com zelo os melhores dons; e eu vos mostrarei um caminho mais excelente. 1Coríntios 12:31 

Litrazini: