domingo, 22 de setembro de 2013

Eram onze, doze, treze ou mais apóstolos?



Em diferentes situações a Bíblia menciona "doze" sem mencionar a quais apóstolos está se referindo. O número doze significa governo perfeito e é por isso que temos doze tribos em Israel e doze apóstolos na Igreja. Mas se reparar as tribos não são doze, mas treze (ou quatorze se contarmos José). E os apóstolos eram doze antes da fundação da igreja, ficaram onze e foram completados com Matias para depois receberem Paulo como um décimo terceiro. Mesmo assim doze é o número de apóstolos. 



1Co 15:5  E que foi visto por Cefas, e depois pelos doze

Veja que aqui não são mencionados Maria Madalena, as outras mulheres ou os dois discípulos que iam para Emaús. Todos eles viram o Senhor antes até dos apóstolos. E nem há preocupação em mencionar que Matias ainda não tinha sido ainda escolhido para substituir Judas. Além disso, se considerarmos a primeira vez que o Senhor se apresentou aos apóstolos, Tomé não estava, o que fez com que o grupo tivesse dez. 

Doze é o número dos apóstolos porque é um número governamental, e neste caso as mulheres não são mencionadas pois o assunto é governo. 

Portanto, considere "doze" como um título ou nome oficial dos apóstolos como um todo. Nós consideramos um time de futebol um grupo de onze pessoas, mas ainda que alguns sejam expulsos de campo aquilo ainda é chamado de "time". 

Isto traduzi do "Concise Bible Dictionary": 

DOZE: Algo administrativamente completo no modo como é apresentado ou mostrado para o homem. Doze é o primeiro número mais divisível. Havia doze patriarcas, ancestrais das doze tribos, que são comemorados nos doze pães sobre a mesa, doze pedras preciosas no peitoral e doze nomes nas ombreiras do sumo sacerdote; doze pedras foram tiradas do Jordão, e doze pedras colocadas no leito do rio; a mulher também traz uma coroa com doze estrelas (Ap 12:1). Por meio dos doze apóstolos o Senhor alimentou as multidões famintas. Os doze apóstolos se sentarão em doze tronos, julgando as doze tribos (Mt 19:28). A Nova Jerusalém terá doze fundamentos para suas paredes com nomes dos doze apóstolos; terá doze portões formados por doze pérolas, com os nomes das doze tribos inscritas; doze anjos cuidarão das portas (Ap 21:12-21). O dia tem doze horas, durante as quais os filhos da luz podem caminhar (Jo 11:9). A flexibilidade da perfeição administrativa é vista nos: 

Seis dois: Dois apóstolos em cada um dos seis grupos foram enviados a pregar. 
Dois seis: Havia seis pães em cada fileira de pães da proposição. 
Três quatros: Havia quatro fileiras de três nomes cada sobre o peitoral. 
Quatro três: Haverá três portas em cada um dos quatro lados da nova Jerusalém. 



Mais sobre os apóstolos aqui: 
http://www.respondi.com.br/2010/03/barnabe-era-apostolo.html 
http://www.respondi.com.br/2009/11/foi-errada-escolha-de-matias-para.html 
http://www.respondi.com.br/2010/03/quantos-apostolos-existem.html 
http://www.respondi.com.br/2007/01/como-saber-se-um-apstolo-genuno.html 
http://www.respondi.com.br/2011/07/o-que-voce-acha-deste-livro-de-frank.html 
http://www.respondi.com.br/2009/12/voce-segue-os-ensinos-de-frank-viola-e.html 
http://www.respondi.com.br/2011/06/devo-ser-discipulo-de-um-apostolo.html 
http://www.respondi.com.br/2012/06/o-que-e-nova-jerusalem.html 

por Mario Persona