sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Missionário entre Indígenas denuncia o que está por trás da Missão Integral

A “Missão Integral” não é 1 nova doutrina. É nova para muitos. Não está ligada a nenhum partido, porque não é “política”. Não é de esquerda, porque Jesus nunca foi. Mas num Brasil onde nomear, rotular e chacoalhar religião com política tá na moda e nos faz parecer “mais inteligentes”, logo apareceram os “doutores” para dizer que Missão Integral é o perigo da igreja.
Estes geralmente não possuem compaixão e não fazem missões. Provavelmente nunca farão. E como já disse o “grande missionário televiso dos sócios mantenedores”, cuidar de pobre não é responsabilidade da “igreja” (provavelmente referindo-se a dele).
Aqui o missionário Ricardo da Silva Miranda, que tem trabalhado por anos com tribos indígenas entre o Mato Grosso e o Paraguai, levanta a verdadeira razão do que vem a ser a Missão Integral da Igreja.
A Missão em João Batista
Dizia, pois, João à multidão que saía para ser batizada por ele: Raça de víboras, quem vos ensinou a fugir da ira que está para vir? Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento”,
Em outras palavras, a pregação de João Batista podia ser entendida assim: Cobras! Falsos! Quem ensinou a vocês a não verem o futuro e viverem somente no presente. (Eram egoístas).
E também já está posto o machado à raiz das árvores; toda a árvore, pois, que não dá bom fruto, corta-se e lança-se no fogo.
E a multidão o interrogava, dizendo: Que faremos, pois?
E, respondendo ele, disse-lhes: Quem tiver duas túnicas, reparta com o que não tem, e quem tiver alimentos, faça da mesma maneira.
Nas suas mensagens a beira do Rio Jordão ele priorizava o amor, priorizava o dar e não o receber. Não há refutação à isso. Ele era claro. Não amar ao dinheiro aos bens materiais. Ele ensinava que deveriam repartir com os que não tinham. Isto é um fato.
E chegaram também uns publicanos, para serem batizados, e disseram-lhe: Mestre, que devemos fazer? E ele lhes disse: Não peçais mais do que o que vos está ordenado. Lucas 3:7-13
A Missão em Jesus
Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me; Estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e foste me ver. Então os justos lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? Ou com sede, e te demos de beber? E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? ou nu, e te vestimos? E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te? E, respondendo o Rei, lhes dirá: Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes. Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos; Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber; Sendo estrangeiro, não me recolhestes; estando nu, não me vestistes; e enfermo, e na prisão, não me visitastes. Então eles também lhe responderão, dizendo: Senhor, quando te vimos com fome, ou com sede, ou estrangeiro, ou nu, ou enfermo, ou na prisão, e não te servimos? Então lhes responderá, dizendo: Em verdade vos digo que, quando a um destes pequeninos o não fizestes, não o fizestes a mim. E irão estes para o tormento eterno, mas os justos para a vida eterna. Mateus 25:35-46
A Missão no Bom Samaritano
Em resposta, disse Jesus: “Um homem descia de Jerusalém para Jericó, quando caiu nas mãos de assaltantes. Estes lhe tiraram as roupas, espancaram-no e se foram, deixando-o quase morto. Aconteceu estar descendo pela mesma estrada um sacerdote. Quando viu o homem, passou pelo outro lado. E assim também um levita; quando chegou ao lugar e o viu, passou pelo outro lado. Mas um samaritano, estando de viagem, chegou onde se encontrava o homem e, quando o viu, teve piedade dele. Aproximou-se, enfaixou-lhe as feridas, derramando nelas vinho e óleo. Depois colocou-o sobre o seu próprio animal, levou-o para uma hospedaria e cuidou dele. No dia seguinte, deu dois denários ao hospedeiro e lhe disse: ‘Cuide dele. Quando eu voltar, pagarei todas as despesas que você tiver’. “Qual destes três você acha que foi o próximo do homem que caiu nas mãos dos assaltantes?” “Aquele que teve misericórdia dele”, respondeu o perito na lei.
Jesus lhe disse: “Vá e faça o mesmo”.  
Lucas 10:30-37
Nos textos acima não há dúvidas. O amor e a caridade material mesmo aos estranhos não é uma opção. É mandamento Jesus ensina através de fatos históricos. E se foi Jesus quem falou, onde está o mandamento contrário?
A Missão no amor ao próximo – o mandamento
E Jesus disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento. Este é o primeiro e grande mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.Mateus 22:37-39
Jesus contra as injustiças sociais
Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão fartos; Mateus
Jesus denuncia a situação de injustiça na qual viviam os judeus daquela época sob o domínio romano, as injustiças sócias. Se Jesus se referiu às injustiças, nós também devemos utilizar suas palavras. Ou será que nós cristãos, temos que nós conformar com as injustiças sociais? Dizermos que somos crentes e que nosso reino não é aqui! Isto é egoísmo. Em várias partes da bíblia o próprio Deus se manifesta contra as injustiças sócias e promete castigo.
A Missão e os primeiros cristãos (a igreja que não existe mais)
E era um o coração e a alma da multidão dos que criam, e ninguém dizia que coisa alguma do que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns. E os apóstolos davam, com grande poder, testemunho da ressurreição do Senhor Jesus, e em todos eles havia abundante graça. Não havia, pois, entre eles necessitado algum; porque todos os que possuíam herdades ou casas, vendendo-as, traziam o preço do que fora vendido, e o depositavam aos pés dos apóstolos. E repartia-se a cada um, segundo a necessidade que cada um tinhaAtos 4:32-35
Sempre que leio a Bíblia e chego a esse texto, vejo que a primeira igreja não existe mais. A igreja onde todos os bens eram comuns, não existe. Uma igreja onde alguém desempregado ou passando necessidade seria ajudado, onde se houvesse um enfermo estaríamos prontos a trazer socorro para aquela família e suas necessidades. Creio que como raras exceções ainda existam grupos assim. Mas numa abordagem geral isso deixou de existir. A avareza, o amor ao dinheiro, o olhar ao Eu e o Eu como centro das minhas necessidades fez com que esta igreja desaparece.
Uma pergunta: isso era comunismo? Isso era socialismo? Jesus era comunista? A igreja teve uma formação comunista? Então eu sou comunista sim, (tudo era comum entre eles) O que a Bíblia diz é verdade. Não estou trazendo ideias de A ou B ou ideias de filósofos, políticos ou líderes. O que vemos na Palavra são fatos históricos. Se não é verdade então passamos um corretivo e apagamos o que está escrito.
Paulo, o apóstolo – Perfeito amor
Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria. O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. I Cor 13
Esse texto é um dos mais completos para um evangelho integral, pois nele Paulo já mostra que além de ser uma questão material (social) começa a ser uma questão espiritual também. Ele nós mostra que o doar, o fazer, o trabalhar não é por ambição, por disputa ou qualquer outra atitude carnal mas sim por amor, um amor que nasce entre a alma e o espirito. Este sim é o verdadeiro amor.
O amor ao próximo como fruto do Espirito
Mas o fruto do Espírito é: amor, gozo, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, temperança. Contra estas coisas não há lei. Gálatas 5:22-23
Quando se fala de amor, fala-se de frutos do Espirito e como disse Paulo pode-se falar em mistérios, em línguas, ter dons etc. mas se não tiver amor de fato e verdadeiro, de nada vale!
Seria somente o amor a Deus, como muitos dizem? Mas se eu amo a Deus e não amo ao meu semelhante e não tenho no meu intimo a vontade e a esperança de ver o bem estar do meu semelhante, então biblicamente eu não amo a Deus e sou um hipócrita e demagogo
Porque o fruto do Espírito está em toda a bondade, e justiça e verdade); Aprovando o que é agradável ao Senhor. Efésios 5:9-10
Tenho certeza que esta falta de amor poderá acarretar prejuízos na vida espiritual daquele que não o pratica.
Ordenança da Carta aos hebreus
Lembrai-vos dos presos, como se estivésseis presos com eles, e dos maltratados, como sendo-o vós mesmos também no corpo. Hebreus 13:3
O autor da carta aos hebreus clama tanto por justiça social que nos colocar no lugar dos desfavorecidos. Clama de uma maneira emocional, clama para perguntarmos a nós mesmo como nos sentiríamos. Ou seja, como eu me sentiria se eu estivesse preso injustamente? Esse preso não são os presos que cometeram crimes, mas os que são presos por injustiça (Ex: a igreja perseguida – crentes presos pelo amor ao evangelho).
A Fé sem obras é morta
Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo? E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano, E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e não lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí? Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma. Tiago 2:14-17
Fé em que? Fé em Deus que tudo pode? Para que essa fé?
Pecado!
Aquele, pois, que sabe fazer o bem e não o faz, comete pecado. Tiago 4:17
Deus abomina o pecado. O pecado da omissão será levado em conta naquele dia.  
A verdadeira religião
A religião pura e imaculada para com Deus e Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo. Tiago 1:27
Infelizmente criamos a religião e dentro dela a politicagem. Deus abomina a religião. No Antigo Testamento, a religião não deu certo, Jesus veio deitar o vinho novo no odre novo, mas infelizmente com o passar dos anos os homens reviveram as antigas praticas religiosas.
Creio piamente que quem é contra a Missão Integral não é contra a Missão Integral em si, é contra o ser humano e ainda não experimentou o amor. Aquele que experimenta o amor de Deus, recebe um senso de humanidade. Ele deixa de ser religioso e passa a ser humano.

Por